Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Coisas que me irritam!

 

Há não sei quanto tempo que tenho os meus testes marcados, feitos e entregues para fotocopiar nas escolas. Gosto de fazer as coisas com tempo. Just in case... não vá o diabo tecê-las! (cruzes, canhoto!)

 

Esta semana tem sido uma daquelas semana em que dia sim-dia sim há teste, seja nesta ou naquela escola. Sendo que nesta escola, aquilo que eu pedir porque preciso para trabalhar, está sempre feito a tempo e a horas, não me lixando o meu dia de trabalho.

 

Hoje foi dia daquela escola. Mais um dia de teste. Chego à escola e dirijo-me à reprografia. Vejo os meus originais em cima de um monte de papelada desorganizada. Sim, porque o middle name daqueka escola é desorganização. Espreito aqui, ali... nada! começo a sentir uns calores a subir pelo pescoço. Vou à procura da directora que é a única que pode tirar fotocópias. É que se for outra pessoa, pode levar alguma folha, o que é crime qualificado e a escola vai à falência!!! Sim, porque se acusam as pessoas de roubar rolos de papel higiénico...

 

Anyway, a directora estava desaparecida. Contei às minhas colegas o sucedido e todas convergimos à mesma ideia "se fossemos nós a não ter o trabalho feito, éramos queimadas em praça pública".

Lá improvisei uma aula para a turma que iria fazer teste. Sim, porque isto de se ser professor tem uma percentagem de actor, inventor e cientista. Pelo menos eu não faço as coisas em cima do joelho, há que pensar, elaborar e executar depois.

De repente, abrem-me a porta da sala: era a directora que é tão bem educada que nem à porta bateu, é tudo dela! "Desculpe professora mas não pude tirar as suas fotocópias... partiu-se uma peça da máquina... já cá esteve o técnico mas não arranjou... amanhã vou-lhe ligar outra vez..."

 

Não é por nada mas se o nariz crescesse sempre que as pessoas mentem ou se tentam descartar das suas responsabilidades, muitas seriam proibidas de sair à rua sem cortar o nariz!

E é isto que me irrita: a irresponsabilidade, a hipocrisia, o cinismo, o fazer as coisas para inglês ver, a incompetência... Ou os elementos non-gratos vão leccionar para outro lado ou esta escola vai mesmo à falência... Ai vai, vai!

 

 

Cambada de Asnos!

Se há coisas que me irritam é gente incompetente, gente que finge que trabalha, que trabalha à balda sem brio nem responsabilidade. Se está bem feito ou não, não interessa. O que interessa é aparecer feito mesmo feito à balda.

 

Estou com um imbróglio do caraças por causa de uns livros escolares. Quer dizer, eu não mas no fim das contas que tem de mexer os cordelinhos sou eu. Resumindo, o que aconteceu foi o seguinte: os CTT foram entregar os livros à escola, quem os recebeu assinou sem conferir se estava tudo direitinho e no fim deu... m€rd@.

 

A editora mandou três caixas, os CTT entregaram duas e a secretaria assinou como tendo recebido três. Além de que os CTT afirmam a pés juntos que entregaram as três caixas pois eles têm de pistolar o código da encomenda no local de descarga. Ora isto deve ter sido feito... mas dentro da carrinha deles!!!

 

Revolvi toda a escola na esperança da caixa ter sido levada por alguém para outro sítio mas nem vestígios dela. A única resolução é a escola pagar os exemplares extraviados e a editora mandar exemplares que são free samples, o que significa que não podem ser facturados aos pais.

 

Tendo em conta a delicadeza do problema e não querendo lixar a pessoa da secretaria, expus-lhe a situação e deixei-a à vontade para ser ela a contar o problema ao director. Ao fim e ao cabo o problema foi um "descuido" dela. Ela confiou e assinou sem conferir. Mas eu já falei com ela na sexta-feira, pelo que teve todo o dia para falar com o director.

 

Hoje cheguei lá e perguntei se tinha tocado no assunto ao director. É que EU tenho de dar uma resposta à editora para me poderem mandar os livros e eu conseguir trabalhar em condições e ainda me enviarem outros livros que faltam. Então não é que ainda não tinha dito nada?! Expliquei que tenho de dar uma resposta o mais rápido possível à editora pois eles estão à espera. À hora da minha saída, ainda não tinha dito nada de novo. Disse-me que ia falar no assunto amanhã.

 

Compreendo que é uma situação delicadíssima e que tem de ser tratada com luvas de pelica pois quem vai sair prejudicada é a escola por um "descuido" de uma funcionária. Mas eu também tenho que fazer o meu trabalho, certo? O que fariam vocês? Falariam com o director, passando por cima da pessoa da secretaria ou aguardariam?

 

Por recomendação da editora e por causa dos registo dos CTT colado nas caixas, guardei-as numa sala onde ninguém mexe. Quer dizer, ninguém mexia! Escrevi nas caixas em letras garrafais, bem grandes "NÃO DEITAR FORA". Tive de ir à tal sala e não é que estava tudo modificado?! Deu-me logo vinte coisas más! Mas onde estariam as minhas caixas? Vi lá resmas delas, só as minhas não encontrei.

 

Quem tinha andado a arrumar aquilo foi o Donaltim. Hoje encontrei-o e perguntei pelas caixas. Disse-me que as deitou fora. Só me apeteceu engoli-lo! Depois expliquei-lhe o sucedido e disse-lhe que aquelas eram as únicas caixas que não podiam ter ido para o lixo, e que se precisarmos dos códigos estamos entalados. Resposta do Donaltim, com o seu ar de tolo, pateta e idiota, com um sorriso nos lábios "ah, por acaso vi lá que as caixas diziam não deitar fora mas deitei fora na mesma." Epá, o que é que apetece fazer a um gajo destes?! ainda não o vi fazer nadinha de jeito... fokas!

 

Se umas editoras funcionam bem, outras nem por isso. Desde o início de Setembro que froam pedidos os livros e até hoje... nickles. Liguei, mandei mails, sms e nada! Hoje liguei de novo. Apanhei a representante que me disse que ia averiguar o que se passava e já me ligava ou mandava sms... está bem que o dia ainda não acabou mas quando me vai dizer alguma coisa? Pelos vistos também já não é hoje! É que nem responder à porcaria de um mail é capaz... Estou mesmo a ver-me a mudar de editora para o ano, ai tou, tou!

 

Agora digam-me lá: sou eu que sou muito piquinhas e comichosa ou é esta gente que não tem responsabilidade nenhuma e faz tudo à balda?